Bolsonaro volta a cometer crime ao fazer propaganda da cloroquina: “não mata, pessoal”

Durante sua live semanal, Jair Bolsonaro também fez ataques à CPI da Covid e aos senadores Omar Aziz e Randolfe Rodrigues: “O saltitante do Amapá queria me convocar. Tá de brincadeira, né?”, indagou referindo-se a Randolfe

Fonte: https://www.brasil247.com/brasil/bolsonaro-volta-a-cometer-crime-ao-fazer-propaganda-da-cloroquina-nao-mata-pessoal

Um comentário sobre “Bolsonaro volta a cometer crime ao fazer propaganda da cloroquina: “não mata, pessoal”

  1. O que VCS chamam d cagada eu chamo d coragem e determinação. A maioria desses repórteres são todos FDP, não faz nada de bom pra ajudar a nação. Só sabem criticar. E
    o que o presidente dos Estados Unidos faz é legal, se é o Bolsonaro já tá errado. Quero deixar aqui bem claro, não sou Bolsonarista, sou até filiado do DEM, mas acho que por enquanto não tem ninguém melhor que ele.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *